MENU

Comments (0) Administração, Magento

Internacionalizando a Loja com vários Idiomas

Internacionalização – palavrinha difícil hein?! Vamos ver como tornar nossa loja acessível em outros idiomas utilizando os recursos nativos do Magento.

Mas segure sua empolgação, não vai ficar perfeito. Os mesmos problemas que ocorrem com a tradução português brasil, também existem nos outros idiomas.

Da mesma forma como descrito no post: Tradução 100% Que Mentira! O mesmo vale para todos os outros idiomas.

A diferença é que a tradução português brasil feita pelo Mario SAM é muito superior em qualidade do que qualquer equivalente em outro idioma, além de contar com um script SQL exclusivo para palavras armazenadas no banco de dados e inserção dos estados brasileiros.

1. Localizando as traduções

Assim que você decidir quais idiomas pretende utilizar na sua loja, acesse o site da Magento Connect e localize a chave de instalação.

Faça uma busca para encontrar o pacote de tradução do idioma que deseja instalar, depois clique no botão “Install Now” para ter acesso a chave de instalação (como mostrado na imagem abaixo).

Atenção! O problema nesse caso são as compatibilidades entre versões do Magento (1.3, 1.4, 1.5, 1.6, 1.7…) e Magento Connect (1.0 e 2.0).

Chaves utilizadas neste exemplo:

Italiano: magento-community/Locale_Mage_community_it_IT (connect 1.0)

http://connect20.magentocommerce.com/community/Locale_Mage_community_it_IT (connect 2.0)

Francêsmagento-community/Locale_Mage_community_fr_FR (connect 1.0)

http://connect20.magentocommerce.com/community/Locale_Mage_community_fr_FR (connect 2.0)

Para a tradução Português Brasil você não precisa passar por esse processo, basta fazer o download aqui mesmo no blog: Download da Tradução pt-BR Magento.

2. Instalando os idiomas

Acesse o backend do Magento e navegue em:

Uma nova tela de acesso vai exigir que você informe usuário e senha de administrador. Isso garante que usuários com menos privilégios não saiam instalando qualquer coisa no sistema.

Feito o acesso, basta informar a chave de instalação no campo “extension key“, clicar em “Install“, e por fim no botão “Proceed“.

Uma tela em formato de console deve exibir o processo de instalação e uma mensagem de sucesso. Você deve instalar um pacote por vez, por isso repita o processo para cada idioma.

3. Alterando o idioma da loja

Retorne para o backend da sua loja e navegue em:

No campo “Idioma” selecione a tradução que deseja exibir no frontend.

Importante ressaltar que, este idioma será aplicado somente ao frontend e não afeta seu painel de administração em backend. Se você selecionar um idioma sem obter o pacote de tradução, o sistema irá exibir as chaves de tradução, ou seja: inglês.

Altere o idioma, salve, e atualize seu frontend.

4. Uma visão, um idioma

Agora você deve estar pensando: “Mas não deveria ter uma opção de escolha?“. Sim e Não!

Não – Veja que o sistema fez exatamente o que mandamos ele fazer. Alterar o idioma da loja no frontend. Em nenhum momento informamos que deveria ter opção de escolha.

Sim – Podemos incluir um campo de seleção de idioma. Mas para isso precisamos cadastrar uma visão de loja para cada pacote de tradução. Então vejamos como fazer.

No seu backend acesse:

Informe a loja que vai receber esta nova visão, o nome identifica sua visão em frontend e backend. O código é para uso interno do sistema. E status deve estar habilitado para que a opção esteja disponível na loja.

Clique em salvar e repita o processo para cada idioma instalado.

Ao final atualize os índices das tabelas conforme solicitado pelo sistema.

5. Conectando visão -> idioma

Nessa etapa já é possível ver a caixa de seleção no alto da sua loja (tema padrão).

Porém, ao selecionar uma visão (idioma) nada acontece. A página atualiza, mas o idioma continua o mesmo.

Isso ocorre porque ainda precisamos informar qual visão vai conter qual idioma. Para isso acesse: 

Sim. Estamos repetindo o passo número 3 deste post. Mas antes de selecionar o idioma precisamos alterar a visão da loja – no alto a esquerda, acima do menu, em “Aplicar em:“.

Selecione uma visão, espere a página atualizar, e depois selecione no campo “Idioma” o pacote de tradução que deseja exibir no frontend.

Clique em salvar, repita o processo para cada idioma e depois faça o teste no frontend.

6. Continue traduzindo

Como eu falei no inicio do post, esses pacotes de tradução não conseguem atingir 100% das palavras/frases do sistema.

Muita coisa está armazenada em banco de dados. E a boa notícia é que você pode alterar essas palavras pelo backend do Magento. Um exemplo disso são os atributos dos produtos. Acesse:

Selecione um atributo, por exemplo “Preço“. Em seguida clique em “Gerenciar Descrição/Opções“.

Veja que é possível informar ao sistema qual palavra cada visão de loja deve usar – recuperando do banco de dados.

Acabou?

O básico sim. Seu tema está internacionalmente adaptado para trabalhar com outros idiomas.

Mas você ainda precisa traduzir manualmente preços e informações dos produtos, páginas e blocos CMS, enquetes, nuvem de tags, etc. Que são informações que ficam armazenadas no banco de dados.

Você também poderia traduzir as url’s dos links como mostrado no post: Traduzindo Links e URLs.

Ficou com dúvidas? Use o Fórum da Escola Magento.

Sucesso!

Parceiros

Comments are closed.