Qual a melhor versão?


Você está lendo:

Qual a melhor versão?

Este post foi marcado como:

Essa é a pergunta que acomete a todos que estão querendo começar e/ou aos que já trabalham com a ferramenta. Qual a melhor versão do Magento?

Se você nem sabe o que é Magento clique em: O que é Magento?

É importante definir as suas necessidades de sistema, para então decidir qual versão se adequa melhor à sua empresa. Vamos entender melhor o que significa cada sigla e versionamento, para então, ao final decidir qual você deve utilizar.

Exemplo de nomeclatura:

As edições

O Magento nasceu com a versão (grátis) community, seguida das versões (pagas) enterprise e professional. A professional não sobreviveu muito tempo e uma nova versão foi lançada em 2011, a GO.

CE (Community Edition) - Como o próprio nome sugere, é a edição da comunidade. Que possui o código-fonte aberto e distribuído livremente para que cada pessoa/empresa utilize e modifique como bem entender.

EE (Enterprise Edition) - A versão empresarial do Magento, no qual se paga um valor anual pela licença. Recomendada para grandes empresas que desejam ter mais segurança e performance do que a versão gratuita. Além de contar com suporte oficial da própria Magento.

PE (Professional Edition) - Nasceu para ser uma versão intermediária, entre a community e a enterprise. Com algumas funcionalidades a mais do que na versão community e com um suporte técnico (limitado) da própria Magento. Esse modelo não se sustentou e foi abandonado em 2012.

GO (Go Online) - Seria um modelo pré-pago do Magento. Uma loja semi-pronta que fica nos servidores da própria Magento, onde você paga uma mensalidade para utilizar os serviços - cadastra as categorias, os produtos, realiza algumas configurações e começa a vender. Indicada pra quem quer conhecer o sistema na prática, mas com baixo investimento.

Veja também o post: O Magento é Grátis?

Os status

Cada uma das edições acima citadas possuem um "estado" de desenvolvimento, que muda conforme sua evolução. A equipe de desenvolvimento da Magento utiliza basicamente estes quatro status:

Alpha - Que no alfabeto grego corresponde ao número um. Indica uma nova fase de desenvolvimento, ou seja, possui diversas funcionalidades inacabadas ou em fase de testes. Essa versão NUNCA deve ser usada em ambiente de produção, servindo apenas para que o público veja o que esta por vir. E claro, com isso a comunidade dá o feedback que a empresa precisa para saber se está na direção certa.

Beta - Que vem logo após o alpha no alfabeto grego. Revela as intenções da empresa quanto a versão de lançamento. Essa versão também NUNCA deve ser usada em produção, pois muitas funcionalidades do sistema podem ser retiradas/refeitas/incluidas dependendo da resposta da comunidade.

Release Candidate (RC) - Como o nome já sugere, é um candidato a lançamento. Mas como sabemos o código-fonte é aberto a comunidade, então muita gente pode sugerir melhorias e correções no desenvolvimento antes do lançamento oficial. Geralmente são feitos alguns ajustes antes da versão final.

Stable - Eis que o desenvolvimento alcança um nível de maturidade e pode ser oficialmente lançada como versão estável. Essa é a versão que você deve usar em um ambiente de produção. Lembrando que para chegar ao status de "stable" ele precisou passar por todos os estados anteriores.

Os ambientes

Já que falamos anteriormente sobre ambiente de produção, vamos esclarecer que ambiente é este, e quais ambientes existem e que você deve utilizar. Então existem basicamente três ambientes:

Ambiente de desenvolvimento - É o ambiente onde o desenvolvedor realiza seus trabalhos, ou seja, a máquina individual onde são realizados os primeiros testes e a criação de novas soluções.

Ambiente de testes - Um ambiente criado dentro da própria empresa para simular o ambiente de produção. Muito recomendado quando se tem uma equipe de desenvolvimento e você precisa administrar a evolução dos trabalhos. Uma garantia de que tudo vai funcionar em conjunto e sem conflitos ou surpresas quando for enviado para o servidor.

Ambiente de produção - Onde as coisas realmente acontecem, é a loja disponibilizada ao consumidor final, que fica disponível 24 horas por dia realizando vendas atrás de vendas. Nesse ambiente não podem haver surpresas, erros, falhas ou má administração. Por isso se recomenda sempre fazer um backup deste ambiente, revisar configurações de performance e segurança, e ter estratégias bem definidas para casos emergenciais.

Os números

Apesar de existirem diferentes edições e status, ainda existem as variações de versão, que é o grande dilema deste post. O Magento adotou o padrão numérico de 4 (quatro) dígitos para mostrar à comunidade a evolução da plataforma.

x.x.x.N - O último dígito é talvez o mais importante de todos. Pois quando existir, indica que foram feitas atualizações emergenciais para a correção de algum bug de segurança ou falha no sistema. Você sempre deve fazer a atualização do Magento quando este último dígito for alterado e os números x.x.x anteriores forem referentes à sua versão.

x.x.N.x - O penúltimo dígito também é muito importante, pois neste caso também são feitos correções e melhorias no sistema, que não chegam a ser tão críticas mas que podem ter grande impacto na aplicação. É recomendado e seguro fazer atualização do Magento quando este dígito for alterado e os dois números x.x anteriores forem da mesma versão que você utiliza.

x.N.x.x - Este segundo dígito é quem causa a maior polêmica na escolha de uma versão. A alteração deste dígito indica que foram feitas centenas de alterações, melhorias, correções, modificações no sistema. E isso obviamente impacta na estrutura do sistema, que altera diversas classes, reescreve métodos, cria novas tabelas (apaga outras), torna alguns arquivos deprecated (inúteis), e por ai vai. Nunca faça atualização do sistema quando esse número mudar. Primeiro faça um backup de tudo que existe, depois realize testes no ambiente de desenvolvimento e no ambiente de testes, veja se o template e os módulos customizados continuam funcionando, e se você realmente precisa da nova versão.

N.x.x.x - Esse primeiro dígito indica o início de uma nova era. Sempre que esse número passa do zero ao um, significa que a versão alcançou maturidade suficiente para ser considerada profissional. A partir daí, sempre que este primeiro dígito for alterado a ferramenta está dando um passo à frente na evolução do sistema como um todo. Apresentando novos conceitos, refazendo sua modelagem de dados, re-estruturando a base de desenvolvimento, ampliando o horizonte de possiblidades. É um reload na Matrix.

E agora? Qual escolher?

Bom, agora que sabemos que existem edições, status, e versão, vamos definir o seguinte.

Sistemas com status de alpha, beta, e release candidate devem ser usados apenas em ambiente de desenvolvimento, e servem apenas para "brincar". Em ambiente de produção usem sempre o status "stable".

As edições depende da sua situação como empresa. A edição GO foi feita para pessoas que desejam "testar" a loja no dia-a-dia, com produtos de verdade, vendas de verdade. A versão Enterprise é para grandes lojistas que desejam ter a segurança de um suporte fornecido pela própria Magento, e que querem/precisam das funcionalidades fornecidas nesta versão paga. E a edição Community é a mais utilizada do planeta, não apenas por ser de livre distribuição, mas por ser muito completa, poderosa, e ainda ter a possibilidade de aplicar melhorias e modificações no seu código-fonte que é aberto e adaptável.

E finalmente a versão. Sabemos agora que sempre que um dos dois últimos dígitos forem alterados você deve fazer uma atualização para garantir a segurança e funcionamento do sistema.

O primeiro dígito raramente muda, e isso implica num sistema praticamente novo, com muitas mudanças. A decisão de trocar ou não precisa ser gerencial, administrando os custos e riscos de uma mudança deste nível.

E o polêmico segundo dígito, que implica diretamente na evolução do sistema. Posso dizer que a versão 1.4.x.x é muito bem aceita, usadas até hoje por muitas e muitas empresas, possui um grande número de módulos e templates. A versão 1.5.x.x não foi bem aceita, apresentou muitos problemas e não é recomendada. Logo na sequência veio a versão 1.6.x.x que deixou a comunidade em dúvidas, pois a versão 1.5 havia sido um desastre. Parece que as coisas melhoraram com a versão 1.7.x.x, que vem sendo bem adotada pela comunidade, com a criação de diversos módulos e templates.

No momento em que escrevo este post a versão 1.8.x.x ainda está na fase alpha. E a versão 2.0.x.x virou lenda urbana. Mas ambas podem ser baixadas no site oficial da Magento Inc.

Depois que fizer sua escolha, clique em: Como Instalar o Magento, e comece sua jornada de sucesso.

Sucesso!

Junte-se ao Clã

Você está sendo recrutado para o clã do Mario SAM.
Faça parte do maior grupo de usuários Magento da face da Terra.

Compartilhe este post...

twitter

0

...e ganhe pontos!

facebook

0

...e ganhe pontos!

google+

0

...e ganhe pontos!

Junte-se ao clá e acumule pontos

Criar Conta